Da Geral

Lembranças e depoimentos feitos por um apaixonado direto da Geral! Comentários sobre futebol e derivados.

sexta-feira, outubro 13, 2006

Quilmes - Bendito Sae

Só agora, dia desses, é que eu tomei conhecimento desse vídeo. É um comercial da cerveja Quilmes, veiculado na argentina antes e durante a Copa do Mundo. A Quilmes patrocina a seleção deles, e traduz para a tela toda a paixão e sentimento que nossos vizinhos têm pelo futebol. Enquanto no Brasil ficamos assistindo a comerciais de malabaristas travestidos de jogadores que chutavam a bola pra fora e chamavam a sexta estrela, os hermanos se emocionavam a cada vez que esse filme passava na TV.

A narração é empolgante, e vai ganhando vida enquanto imagens de fracassos e vitórias vão lembrando o quanto lutaram para serem quem são - uma das seleções mais respeitadas do mundo. Tem até uma cena do Brasil comemorando a conquista da copa.

Futebol é isso. É força, é gana, é suor e sangue. Energia e superação, e isso os hermanos têm de sobra. Esse comercial da Quilmes contagia a eles e emociona muito brasileiro. Só não funciona com cariocas, por que cariocas ainda não sabem o que é futebol competitivo.

Assisti a esse vídeo várias vezes, com o som bem alto, mas jamais vou admitir para ninguém o quanto me emocionei e o quanto ainda me emociono a cada vez que o vejo. Quem sabe um dia nos orgulharemos ‘da glória e da honra de ser brasileiro!"

Abaixo está o texto narrado no comercial.



"Bendito sea el mundial con que soñamos
Bendito cada nombre que ha sido designado
Bendito los pibes que siempre sacamos
El peso de la historia, el respeto ganado
Maldito sean los recuerdos dolorosos
Maldita la impotencia, la injusticia que vivimos
El volvernos a casa cada uno por su lado
Las finales sin jugar y quedarme en el camino
Bendita la anestesia general a los dolores
La tristeza que curamos con abrazos
Las gargantas que se rompen por los goles
El sentirnos los mejores por un rato
Malditos los sorteos y los grupos de la muerte
Los controles sin azar que asignaron nuestra suerte
Malditos los mezquinos que juegan sin poesía
Los que pegan, los que envidian, los que rompen y lastiman
Bendito sea el orgullo con el que entramos a la cancha
El potrero y la pelota no se machan
La tv que repite la gambeta
Inflar las redes de los otros, inflar el pecho de los nuestros
Merecer la camiseta
Los turistas, los cronistas, los sponsors, los amigos, el himno
y las mujeres siguiendo los partidos
Bendita las cabalas que dan resultado
Las risas y el llanto que guardaremos tanto
Y bendito ese momento que nos regala el fútbol
De poder cambiar nuestro destino
Y sentir otra vez y frente al mundo
Lo glorioso y lo groso de ser argentino!"

Marcadores:

2 Comments:

  • At terça-feira, 17 outubro, 2006, Anonymous Anônimo said…

    Nossa, isso vem exatamente de acordo com o texto que coloquei no meu blog, se puder passar lá e der uma comentada, www.fhrossini.zip.net. abraços, Fê Rossini

     
  • At sexta-feira, 27 outubro, 2006, Anonymous Anônimo said…

    muito afú o video dos argentinos. eles sempre perdem para nós mais nós não jogamos com a raça que eles jogam.
    gaúcho tambem joga com raça e perde sempre, hehehehe brincadeira. sou admirador do futebol do sul

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home