Da Geral

Lembranças e depoimentos feitos por um apaixonado direto da Geral! Comentários sobre futebol e derivados.

quinta-feira, novembro 09, 2006

Spencer

Morreu Alberto Spencer, o maior goleador da Libertadores da América, com 54 gols.

Ele sagruou-se campeão nos anos de 1960, 61 e 66, todos pelo Penharol.

Spencer fez 510 gols em sua carreira, e defendeu as seleções do Uruguai e do Equador.



O adeus uruguaio ao goleador das Américas.
Impedimento

Um multidão de carboneros - torcedores, dirigentes e ex-companheiros - e demais uruguaios acompanharam, ontem, o enterro de Alberto Spencer, o maior goleador da Copa Libertadores e um dos nomes mais expressivos do futebol sul-americano e do Peñarol. O velório aconteceu no Palácio Gastón Guelfi e o enterro foi realizado no cemitério Parque del Recuerdo, em um clima profundamente emotivo.

Dentre tudo que foi dito, as palavras do ex-presidente carbonero Julio Sanguinetti expressam bem o que o artilheiro significava. "Spencer honró con su gloriosa actuación deportiva a Peñarol. Honró a las dos patrias que tuvo en su corazón y en su vida. Era el goleador, el que daba vuelta los partidos, no lo podemos comparar a ninguno de los grandes de su tiempo, ni después", disse Sanguinetti.

Segunda-feira, centenas de pessoas formaram filas no estádio Voltaire Paladines Polo para o adeus do Equador a Spencer, em Guayaquil. O presidente do Barcelona, Galo Roggiero, disse que irá sugerir à direção do Peñarol a realização de um amistoso entre as equipes em "tributo a la memoria de Spencer". O jogo também serviria para levantar fundos para o família do jogador, qua atualmente passa por dificuldades.

Marcadores:

1 Comments:

  • At sexta-feira, 10 novembro, 2006, Anonymous Anônimo said…

    É, Jair, o botafogo perdeu do SP (obvio) e o cruzeiro perdeu do santa (loucura). O milagre corinthiano já começou. Abraços, Fê Rossini - www.fhrossini.zip.net

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home